Felinos

Halloween: um verdadeiro terror para os gatos

O Halloween, feriado anglo-saxónico que se celebra hoje (31 de outubro) em todo o mundo – nomeadamente em Portugal, que importou esta tradição – pode ser uma verdadeira dor de cabeça para os donos de animais de companhia. De acordo com website petwave, para os gatos, em particular, as celebrações e o barulho associados a este dia ser bastante prejudiciais.

Segundo a publicação, “o desfile constante de pessoas pouco familiares pode ser bastante stressante para os gatos, quer estes estejam dentro de casa ou na rua. Alguns donos até ‘mascaram’ os seus gatos para o Halloween, sendo que muitos felinos não gostam desse tipo de atividade”, acabando por ficar stressados.

Uma das razões prende-se com o facto de os gatos não gostarem de barulho e de mudanças repentinas no ambiente que os rodeia. “Novas situações e sons pouco familiares assustam-nos e o Halloween, à semelhança de outras celebrações, envolve ambos”.

Aconselhe os donos destes animais a colocarem os gatos num local fechado e tranquilo, onde não haja barulho e gente estranha a entrar e a sair. Além disso é importante que o animal tenha acesso à sua caixa de areia, a uma taça com água e a um sítio confortável onde dormir.

De resto, o site lembra que num dia marcado por excessos, sobretudo por excesso de alimentos açucarados como chocolates e rebuçados, é importante que os donos não se esqueçam de manter os animais à distância. O chocolate, em particular, é o responsável pela maioria das intoxicações alimentares de animais de companhia nesta altura do ano e é extremamente tóxico para os gatos.