BVA apela à assinatura da declaração universal para o bem-estar animal

BVA apela à assinatura da declaração universal para o bem-estar animal

A última edição do Dia Mundial do Médico Veterinário, que se comemora no último sábado do mês de Abril por todo o mundo, foi dedicada à diversificação da profissão e aos seus contributos para o bem-estar e saúde animal e humana.

 

No âmbito destas celebrações, realizadas este ano no dia 26 Abril, a British Veterinary Association (BVA) apelou à comunidade médico-veterinária para assinar a declaração universal para o bem-estar animal (UDAW, na sigla inglesa), tratando-se de um acordo (disponível em http://www.udaw.org/) entre nações que reconhece que os animais são sensíveis e podem sofrer, que respeita as suas necessidades em termos de bem-estar e que se empenha em acabar com a crueldade animal. Neste contexto, a declaração sublinha a necessidade de criar uma legislação efectiva que promova, por todo o mundo, o bem-estar animal.
O presidente da BVA, Nick Blayney, aproveitou esta data para comentar a sua satisfação com o facto de a associação estar a suportar «esta campanha vital, que reconhece as responsabilidades que os humanos têm pelo bem-estar animal», defendendo que «acredito que a profissão médico-veterinária deve ser parte integrante desta iniciativa global e espero que as associações veterinárias por todo o mundo adiram a esta iniciativa», sublinhando que a campanha será apresentada às Nações Unidas e que espera que «esta declaração represente um passo gigante em termos de reconhecimento internacional de que o bem-estar animal importa realmente».