Nutrição

Royal Canin já testa rações personalizadas para cães e gatos

Royal Canin já testa rações personalizadas para cães e gatos

A alimentação personalizada é uma tendência no mercado pet. São várias as marcas que já investiram e a Royal Canin já está a fazer os primeiros testes.

A notícia é avançada pelo sul-africano John Van Wyk, presidente da Royal Canin no Brasil, que em entrevista à publicação brasileira Época Negócios revela que a marca já está a fazer um teste piloto de rações personalizadas no mercado alemão.

De acordo com o responsável, “a exigência de inovação torna-se maior conforme o tempo passa. O nosso próximo passo neste sentido é individualizar a alimentação dos pets para necessidades realmente específicas (…) Há um projeto piloto na Alemanha para venda de alimentos personalizados de acordo com a necessidade do pet. Quando o dono levar o pet ao veterinário, por exemplo, e receber o diagnóstico de alguma doença ou deficiência nutricional, terá a opção de entrar no site da Royal Canin e comprar uma ração específica que supra as necessidades do animal. Nós enviaremos o produto etiquetado com o nome do cachorro ou do gato na casa da pessoa.” John Van Wyk diz ainda que este produto poderá chegar ao mercado brasileiro nos próximo cinco anos.

A Purina, um dos maiores concorrentes da marca do Grupo Mars, também já está a apostar no segmento. Recentemente, a marca criou o ‘Just Right by Purina’, uma solução que permite aos consumidores ‘criarem’ comida à medida do seu cão e de acordo com as suas necessidades e preferências.