Investigação

Dieta alta em fibra natural e proteína promove perda de peso em cães, diz estudo

No dia em que a Organização Mundial da Saúde assinala o Dia Mundial Contra a Obesidade (11 de novembro), é importante lembrar que a obesidade entre animais de estimação também está em rota de crescimento.

De acordo com um estudo levado a cabo por investigadores do Hospital Universitário da Universidade de Liverpool e pelo Centro de Investigação da Royal Canin em 340 clínicas de 27 países, fornecer uma dieta saciante alta em proteína e fibra natural conduz à perda “de uma quantidade clinicamente significativa de peso” em caninos.

Foram avaliados 926 cães obesos no estudo, o que o torna num dos maiores do seu género. O objetivo era testar a eficácia das rações da marca de nutrição animal e da intervenção de perda de peso através da alimentação.

Dos 926 cães estudados, 896 (97%) perderam em média 11,4% de peso. Os cães não esterilizados perderam mais peso do que os esterilizados e as fêmeas perderam mais peso do que os machos, uma diferença que se revelou mais significativa nos animais da América do Norte e do Sul do que na Europa.

Publicada na revista Plos One, a pesquisa revelou assim diferenças na perda de peso consoante o sexo dos caninos, a realização de esterilização e até zona geográfica. Os investigadores tiveram ainda em conta o aporte calórico dos animais (embora todos tenham sido alimentados com rações secas e húmidas da gama Satiety Weight Management da Royal Canin), mas também as mudanças na sua atividade, qualidade de vida e comportamento em relação à procura de alimento, que foram determinadas subjetivamente pelos seus detentores.

Relativamente a estes últimos fatores, a pesquisa revelou que os animais estavam, no geral, mais saciados, com marcadores de atividade e qualidade de vida mais acentuados.

Tendo em conta os resultados do estudo, que salientam a importância de uma dieta rica em fibra natural e proteína, a marca de nutrição animal resolveu, em outubro deste ano, descontinuar a sua gama Obesity e adotar definitivamente a que foi utilizada neste estudo.