Medicina Veterinária

Dedução de despesas veterinárias no IRS pode ser uma realidade

O PAN (Pessoas-Animais-Natureza) acredita que o Partido Socialista irá viabilizar as suas duas propostas de alteração ao Orçamento do Estado 2016, uma das quais pretende que os tratamentos de medicina veterinária passem a ser dedutíveis em IRS.

De acordo com a RTP, André Silva, deputado do PAN, acredita que “está tudo em aberto” no que diz respeito à votação final do Orçamento do Estado, depois do partido se ter abstido na generalidade.

“Pensamos que existem melhorias que podem ser feitas ao Orçamento no sentido de melhorar o bem-estar das pessoas, dos animais e dos ecossistemas”, defende André Silva.

Além da dedução das despesas de medicina veterinária no IRS, o PAN propôs também uma alteração às taxas de IVA dos espetáculos tauromáquicos e das prestações de serviço dos toureiros.

A dedução no IRS de despesas com consultas e tratamentos com animais é uma luta antiga dos médicos veterinários e o assunto foi acompanhado de perto pela anterior bastonária Laurentina Pedroso.