Empresas

Vetherapy: a empresa portuguesa que aposta na terapia regenerativa de órgãos

Já existe em Portugal uma empresa biotecnológica que comercializa produtos baseados na terapia regenerativa de órgãos e tecidos. Liderada por médicos veterinários, a Vetherapy assume-se como “um esforço de empreendedorismo assente na inovação e aplicação de técnicas avançadas à medicina veterinária.”

A empresa foi fundada e é dirigida por Pedro Carvalho, licenciado em Medicina Veterinária pela UTAD, Doutorado em Engenharia de Tecidos, Medicina Regenerativa e Células Estaminais pela UMinho e fundador e Presidente da Sociedade Portuguesa de Medicina Regenerativa Veterinária – VETREG.

No seu website oficial, a Vetherapy refere que atua no campo da medicina regenerativa veterinária e engenharia de tecidos “desenvolvendo produtos com enorme potencial terapêutico, baseados em células estaminais, plasma rico em plaquetas (PrP) e biomateriais.”

A empresa é também especializada na criopreservação, possuindo um banco de criopreservação de diferentes tipos de células estaminais com um serviço de criopreservação e armazenamento (até 10 anos) de células mesenquimais isoladas do cordão umbilical, o Cord-Stem.

De acordo com a Vetherapy, “o proprietário do animal recebe um certificado de armazenamento que é transmissível a futuros proprietários, aumentando assim o valor do animal. No futuro, se o animal precisar de terapia celular estaminal, não há necessidade de biópsia de gordura, podendo as células criopreservadas ser descongeladas e cultivadas para tratamento.”

A empresa é também a responsável pelo Wound-fix, um gel para cicatrização de feridas que promove a re-hidratação de tecido necrótico e que pode ser usado em úlceras, feridas de pressão, feridas cavitárias, fístulas, feridas pós-cirúrgicas, feridas necróticas, com escaras ou crostas.