Quantcast
Produtos

Plurivet lança Benadil e Sedanol

Depois de alargar recentemente o seu portefólio de anestesia e analgesia, a Plurivet ampliou agora a sua gama de medicamentos do laboratório austríaco especializado em controlo e gestão da dor, Richter Farma, com o lançamento do seu primeiro medicamento veterinário de administração oral, Benadil. A marca lançou também Sedanol, um medicamento para suínos que atua como “terapia contra o stresse.

O Benadil é composto por comprimidos revestidos de benazepril, para cães e gatos, e está disponível em duas concentrações, 5 mg em embalagens de 98 comprimidos e 20 mg em embalagens de 28 comprimidos.

De acordo com a Plurivet, o benazepril é um inibidor da ECA (Enzima Conversora da Angiotensina) comprovado, sendo “um pilar fundamental no tratamento de doenças cardíacas em cães e na redução da proteinúria associada a doenças renais crónicas em gatos“.

Em comunicado, a empresa salienta que o benazepril é “recomendado como tratamento domiciliário da insuficiência cardíaca crónica no estágio C, nas diretrizes de consenso do Colégio Americano de Medicina Interna Veterinária (ACVIM) do diagnóstico e tratamento da degeneração mixomatosa da válvula mitral em cães”.

Já o Sedanol é composto por azaperona 40 mg/ml, em solução injetável. Trata-se de um sedativo neuroléptico à base de azaperona, desenvolvido especificamente para uso em suínos.

Em comunicado, a Plurivet refere que este “permite uma excelente e rápida sedação psicomotora, de curta ação e intensidade previsível segundo a dose administrada, sem produzir narcose ou analgesia, com ampla margem de segurança e uma ótima tolerância”. A empresa refere ainda que, combinado com cetamina, poderá também pode ser usado em anestesia geral.

O medicamente é descrito como sendo de rápida ação, entre cinco e dez minutos, e com uma duração de uma a três horas.

A Plurivet afirma que o Sedanol é adequado para qualquer faixa etária, tendo uma ampla gama de indicações, nomeadamente a redução do comportamento agressivo (após reagrupamento e em porcas, no canibalismo dos leitões), efeito calmante em animais excitados sob stresse e prevenção de stresse (stresse cardiovascular e relacionado com o transporte), alívio dos sintomas no caso de distrofia muscular nutricional, sedação para intervenções como exames clínicos e obstetrícia e como pré-medicação em anestesia local ou geral, podendo ser administrado durante a gestação e a lactação.