Animais de Companhia

Denúncias por maus-tratos e abandono de animais voltam a aumentar

Denúncias por maus-tratos e abandono de animais voltam a aumentar

As denúncias recebidas pela GNR por maus-tratos e abandono de animais de companhia têm vindo a crescer de ano para ano. De acordo com a Rádio Comercial, desde o início do ano e até 31 de agosto, a GNR já recebeu mais 201 denúncias do que tinha recebido em igual período em 2018.

Citado pela Rádio Comercial, o Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) da GNR diz que há cada vez mais denúncias de abandono e maus-tratos, e não apenas em época de férias, como era habitual.

O tenente-coronel José Vieira, do SEPNA, revela inclusive que, até agora, o maior número de denúncias foi feito em janeiro (377), seguindo-se os meses de julho e agosto. A razão, diz José Vieira, pode ser a implementação da lei que criminaliza essas situações. “Pelo menos desde 2014, quando foi implementada a lei que vem criminalizar as situações de maus-tratos e de abandono, as denúncias têm sempre crescido todos os anos.”

Das denúncias recebidas desde o início do ano até 31 de agosto, mais 45 processos seguiram para tribunal comparativamente ao ano anterior.