Quantcast
Produtos

Zoetis lança o Librela e o Solensia para tratar a dor provocada pela osteoartrite

A Zoetis anunciou o lançamento do Librela (bedinvetmab) na UE, Reino Unido e Suíça. Já o  Solensia (frunevetmab) será lançado em maio.

A Zoetis anunciou o lançamento do Librela (bedinvetmab) na União Europeia, Reino Unido e Suíça. Já o  Solensia (frunevetmab) será lançado em maio para médicos veterinários na Europa, Reino Unido e Suíça. Em comunicado, a marca de saúde animal afirma que os dois produtos “com um perfil de segurança positivo, aliviam eficazmente a dor provocada pela osteoartrite em cães e gatos durante um mês”.

“Globalmente, a dor provocada pela osteoartrite (OA) tem impacto sobre quase 40% dos gatos e cães que sofrem deste problema” refere o vice-presidente executivo e chief medical officer na Zoetis, Mike McFarland.

“Os medicamentos mais comuns utilizados atualmente no tratamento da dor provocada pela OA são os anti-inflamatórios não esteroides (AINE). Embora sejam eficazes, as escolhas atuais de tratamento podem ter as suas limitações. Além disso, os animais de companhia de meia-idade ou idosos podem ter outras doenças que necessitam de vários medicamentos. Nem todos os animais de companhia respondem à terapêutica com AINE e alguns não os toleram. Isso pode resultar atualmente no subtratamento da dor provocada por OA”, refere o responsável da empresa, ao explicar a decisão para o desenvolvimento dos dois produtos.

“O Librela (bedinvetmab) e o Solensia (frunevetmab) atuam de forma diferente dos AINE, o atual tratamento padrão, direcionando-se especificamente para o NGF, um interveniente primordial na dor provocada pela OA”, refere a Zoetis.

Estudos clínicos

Num estudo clínico citado pela Zoetis, realizado ao longo de três meses, 76% dos tutores dos gatos, no total, referiram uma melhoria sustentada nos sinais de dor quando os seus gatos foram tratados com Solensia1.

O Librela — administrado sob a forma de injeções mensais durante o estudo de campo pivô (três meses de controlo por placebo, seguido de seis meses de terapêutica de continuação) — “demonstrou uma redução na dor provocada pela OA relativamente aos cães controlados por placebo”.

Para mais informações sobre o Librela e o Solensia e informações completas sobre a prescrição, consulte o RCMV do Solensia na UE e o RCMV do Librela na UE.

1- RCMV do Solensia.

Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde animal?