Animais Selvagens

Apadrinhamento e apoio a animais do Badoca podem ajudar a salvar o parque

Workshop de anestesiologia da fauna silvestre em Santiago do Cacém

O Badoca Park anunciou recentemente a iniciativa “Padrinho em Ação” para que todos possam contribuir para a preservação da espécie e conservação da vida selvagem.

O parque encontra-se encerrado temporariamente devido à pandemia de covid-19, o que lhe suprimiu as receitas. Assim, os fundos angariados têm como objetivo “ajudar a alimentar e alojar os animais e proporcionar-lhes excelentes condições de bem-estar. Permitem também ao Badoca Safari Park participar nos programas de reprodução em cativeiro com as espécies ameaçadas que habitam no parque”, refere o apelo lançado no site do parque.

O pacote “Padrinho em Ação” inclui um certificado de adoção válido, um cartão de padrinho em ação, a fotografia do animal apadrinhado e um bilhete para visitar o parque, além de descontos no parque.

O apadrinhamento é válido por um ano e a contribuição tem o valor mínimo de 60 euros para todos os animais, com exceção das girafas, zebras, tigres e chimpanzés, cujas condições de apadrinhamento estão sob consulta.

Pode consultar os animais para apadrinhar e as respetivas condições no site.