Quantcast
Animais de Companhia

Popularidade dos cães braquicefálicos está a cair no Reino Unido 

Popularidade dos cães braquicefálicos está a cair no Reino Unido 

A organização britânica de registo canino The Kennel Club revelou que os registos de cães braquicefálicos está a cair a um ritmo maior que os números gerais.

Segundo explicado pela BSAVA, embora os registos tenham caído 17% no geral, existiu menos 42% registos de pugs, menos 39% de bulldogs ingleses e menos 34% de bulldogs franceses, raças de cães braquicefálicos. É a maior queda em uma década no Reino Unido e coloca estas três raças entra as cinco com maior quebra este ano.

 

Este tipo de cães sofre vários problemas de saúde relacionados, por exemplo, com a respiração, mas eram muito populares junto dos tutores. O Brachycephalic Working Group (BWG), composto por médicos veterinários, organizações de bem-estar animal, cientistas e clubes de animais congratulou-se pelos novos dados.

“A queda nos registos de cães nessas raças braquicefálicas é um passo bem-vindo na direção certa, embora isso deva ser visto com alguma cautela”, disse Dan O’Neill, presidente do BWG.

 

“Esperamos que este seja um sinal de que cada vez mais compradores, tutores e criadores de cães estão a considerar as sérias implicações para a saúde e o bem-estar dos cães braquicefálicos. Isto é particularmente importante se estes cães forem comprados por impulso porque ‘parecem bonitos’, mas sem a devida compreensão dos seus potenciais problemas de saúde ou de como a criação indiscriminada para satisfazer a procura resulta num mau bem-estar.”

Apesar disso, o presidente nota que ainda “centenas destes cães estão a ser criados para satisfazer o mercado do Reino Unido e estão a ser comprados por tutores pouco informados. Por isso, temos todos de continuar a trabalhar juntos e espalhar a mensagem: ‘Pare e pense antes de comprar um cão braquicefálico’”.

 
Este site oferece conteúdo especializado. É profissional de saúde animal?