Investigação

Osteoartrite é mais grave em cães com mais de 35 kg e em Boxers

Osteoartrite é mais grave em cães com mais de 35 kg e em Boxers

A osteoartrite tende a ser mais grave em cães com mais de 35 kg, assim como em cães da raça Boxer. A conclusão é de um estudo recentemente publicado e que procurou caracterizar a gravidade e a distribuição da osteoartrite nas articulações e identificar as diferenças de gravidade entre raças de cães.

No âmbito deste estudo foram analisadas radiografias de 240 articulações de 51 Boxers, 66 Pastores Alemães, 100 Labradores Retrivievers e 23 Huskies Siberianos. O tamanho do osteófito foi correlacionado com a pontuação de gravidade da osteoartrite. Depois, as pontuações totais da osteoartrite foram calculadas e comparadas entre raças.

De acordo com os resultados agora publicados, os cães com mais de 35 kg apresentavam casos mais graves de osteoartrite do que os que pesavam menos de 35 kg. Além disso, os investigadores indicam que os cães da raça Boxer tendem a apresentar casos mais graves do que os cães das outras raças avaliadas no estudo.