- Veterinaria Atual - https://www.veterinaria-atual.pt -

Médicos veterinários britânicos preocupados com resistência antimicrobiana

Grande parte dos médicos veterinários no Reino Unido [1] (9 em cada 10 – 92%) estão preocupados pela sua habilidade de tratar infeções em animais devido à resistência antimicrobiana [2] (AMR). A conclusão é de um novo inquérito da British Veterinary Association (BVA [3]).

A BVA, em notícia do seu site [4], informa que três quartos (76%) dos médicos veterinários em clínicas de animais de companhia sentem que os clientes não estão cientes desta questão. Quase todos (99%) reportaram que os tutores iam a consultas, pelo menos às vezes, com a expetativa que sejam administrados antibióticos para tratar os seus animais.

 

“Sabemos que os tutores adoram os seus animais de companhia e muitas vezes podem pensar que os antibióticos são a melhor resposta para tratar, mas nem sempre é assim. Precisamos que os tutores nos ajudem a manter os antibióticos a trabalhar contra infeções graves e potencialmente fatais, agora e no futuro”, considera o presidente da BVA, Justine Shotton.

A associação criou um poster [5] para ajudar a guiar os tutores a utilizar os antibióticos de forma segura.