- Veterinaria Atual - https://www.veterinaria-atual.pt -

FECAVA apela à não aquisição de raças braquicefálicas

A European Federation of Companion Animal Veterinary Associations (FECAVA [1]) elaborou um vídeo para apelar às pessoas que não adquiram animais de raças braquicefálicas [2]. Em nota, a organização informa que o vídeo reúne apelos de vários médicos e enfermeiros veterinários.

A FECAVA recorda que a popularidade de cães como os pugs e os bulldogs franceses aumentou na última década. A entidade nota ainda que a tendência está a estender-se quer a gatos, coelhos e até cavalos.

 

“A forma corporal destes animais leva a graves dificuldades respiratórias, infeções de pele, traumatismo ocular, doença espinal e paralisia, problemas dentários (que podem ser fatais para coelhos e cavalos) e problemas fundamentais com a reprodução”, explica a organização.

A fundadora da campanha Vets Against Brachycephalism [3], Emma Milne, disse: “Os médicos veterinários contactam-me de todo o mundo descrevendo o desgosto que sentem ao ver estes animais a sofrerem diariamente simplesmente por causa da sua raça”.

 

Já a presidente do FECAVA Welfare Group, Ann Criel, afirmou que “este vídeo conta a história não só dos problemas de saúde devastadores destes animais e do desgosto para os seus titulares, mas também do impacto que tem nos médicos veterinários cujo objetivo vitalício é ajudar os animais ao seu cuidado”.