- Veterinaria Atual - https://www.veterinaria-atual.pt -

Boehringer Ingelheim doa milhares de materiais essenciais para combate à pandemia

A farmacêutica Boehringer Ingelheim já doou “milhares de materiais essenciais” ao combate à propagação de Covid-19 a vários hospitais e unidades de saúde familiares em Portugal desde o início da pandemia.

Viseiras, batas descartáveis e impermeáveis, luvas, estetoscópios, oxímetros, fatos de proteção e máscaras são apenas alguns dos milhares de materiais que já começaram a ser doados por esta companhia a várias unidades hospitalares, entre outros.

Já no âmbito internacional, a empresa tem procurado soluções de tratamento para os doentes e contribuído com voluntariado, donativos de equipamentos (no valor de 5,8 milhões de euros) e apoio a comunidades sociais em desenvolvimento (através de um fundo de 580 mil euros), informou a farmacêutica em comunicado enviado à redação da VETERINÁRIA ATUAL.

Somos uma empresa global com mais de 50 mil colaboradores em todo o mundo [1] e consideramos ser nosso dever fornecer a melhor proteção possível para a saúde dos doentes, dos nossos colaboradores e da sociedade. A partir do momento em que o coronavírus coloca em risco a saúde pública, torna-se automaticamente uma prioridade para a empresa trabalhar, em todas as frentes, para o combater”, explica Sandra Marques, diretora-geral da Boehringer Ingelheim Portugal.

Embora não desenvolva vacinas humanas, a Boehringer Ingelheim está, desde janeiro deste ano, num esforço coletivo mundial de combate à Covid-19 através do desenvolvimento de soluções como anticorpos que neutralizem o vírus ou pequenas moléculas que inibam a sua replicação. Estes são esforços que, apesar de não imunizarem a população como uma vacina, podem ser necessários para pessoas em risco acrescido de desenvolverem doença grave ou que já estão infetadas, sublinha a farmacêutica.

“Temos cerca de cem cientistas de I&D, com 11 mil horas de laboratório, comprometidos no combate ao vírus. No processo de desenvolvimento de novos fármacos ao longo do tempo, a Boehringer Ingelheim construiu uma biblioteca com mais de um milhão de compostos. Atualmente estamos a realizar uma triagem computacional de toda a biblioteca de moléculas da Boehringer Ingelheim com o objetivo de identificar novas pequenas moléculas com atividade contra o vírus SARS-CoV-2. Ao mesmo tempo, estamos a avançar rapidamente no desenvolvimento de anticorpos monoclonais neutralizantes antivirais para a terapêutica com Covid-19, em colaboração com o Centro Alemão de Pesquisa de Doenças Infeciosas (DZIF)”, garante a diretora-geral.

Além disto, a empresa faz ainda parte de um consórcio com outras empresas farmacêuticas e a Fundação Bill e Melinda Gates para encontrar soluções que impulsionem o desenvolvimento de vacinas, diagnósticos e outros tratamentos que ajudem no combate à pandemia.