Eventos

Avicultura: associação científica organiza I Simpósio

Avicultura: associação científica organiza I Simpósio

A Associação Portuguesa de Ciência Avícola, criada em 2017, quer pôr médicos veterinários e técnicos a discutir os problemas que afetam o setor. O vice-presidente da APCA diz-nos que a 16 e 17 de maio, em Coimbra, terá lugar o I Simpósio.

Rui Fortunato explica à VETERINÁRIA ATUAL que a ideia de criação da APCA “surgiu em conversa entre os médicos veterinários dos três maiores produtores nacionais de aves: Fernando Moreira (Lusiaves), Miguel Fontes (Valouro) e eu (Rações Zêzerre) quando estávamos num simpósio de uma farmacêutica em Madrid e comentámos que Portugal teria condições para fazer igual ou melhor”.

Os três veterinários juntaram-se, falaram com os responsáveis da antiga Sociedade Científica de Avicultura (desativada há mais de 12 anos) e chegaram à conclusão que era altura de avançar. A avicultura é o setor da produção animal que mais tem crescido nos últimos 15 anos, salienta o responsável, acrescentando que “é um setor com futuro, onde Portugal é exportador líquido e onde temos muito bons médicos e técnicos”.

“O objetivo da Associação é realizar encontros técnicos com médicos veterinários e técnicos do setor (engenheiros zootécnicos, engenheiros de produção animal que trabalham nesta área) para discutir e divulgar assuntos de interesse à ciência avícola, como o primeiro que já teve lugar no ano passado, e também um evento anual internacional”, afirma Rui Fortunato. O I Simpósio da APCA vem na sequência deste objetivo.

O vice-presidente considera que “fomos muito bem recebidos porque já temos 80 associados e muitos interessados nos encontros e no I Simpósio”. Os temas deste evento serão abrangentes, mas Rui Fortunato salienta que focarão principalmente: “infeciosas, problemas locomotores e redução de antibióticos” e adianta: “Temos já confirmados oradores internacionais e nacionais, dos melhores veterinários de avicultura no Mundo, como o Dr. Guillermo Zavala, a Drª. Roser Dolz, o Dr. Tahsseen Abdul-Aziz e o Dr. Jorge Ferreira da OIE, entre outros”.

O segundo dia do I Simpósio será dedicado a um workshop sobre Necrópsias. “Vamos ter dois patologistas de referência mundial a trabalhar no tema das necrópsias como elemento fundador do diagnóstico”, refere Rui Fortunato.

Pode encontrar toda a informação sobre a associação e o I Simpósio no site http://www.apcapt.com/.