Medicina Veterinária

Novo caso de Brucella Canis detetado no Reino Unido

A Animal and Plant Health Agency (APHA) confirmou a deteção de um novo caso de Brucella Canis num cão da Europa de Leste importado para o Reino Unido. A Brucella Canis pode causar problemas reprodutivos nas fêmeas, mortalidade neonatal e infertilidade nos machos.

O caso agora detetado diz respeito a um cão importado da Bósnia com apenas cinco meses de idade em novembro de 2015 e que em outubro do ano passado apresentada alguns sinais como relutância em mover-se e coxeava.

Depois de dois testes positivos para a presença de Brucella Canis, em março deste ano, a APHA confirmou a doença e o início de um tratamento de oito semanas com doxiciclina.

De acordo com a publicação MRCVSonline, este é já o segundo caso da doença detetado no Reino Unido este ano. Em janeiro deste ano, um cão importado da Roménia deu entrada numa clínica veterinária em Leicestershire com sintomas como dor quando se sentava e foi diagnosticado com a patologia.