Médicos Veterinários

Médicos veterinários removem um dos maiores corpos estranhos da garganta de cão

Médicos veterinários removem um dos maiores corpos estranhos da garganta de cão

A equipa veterinária do Centro Veterinário da Cestria, Chester-le-Street, no Reino Unido, conseguiu remover com sucesso da garganta de um cão vivo “um dos maiores corpos estranhos a causar um distúrbio respiratório “, segundo disseram à publicação Vet Times.

A equipa removeu três pedaços de costeleta da garganta do animal, que se encontrava sedado. Os ossos encontravam-se na parte posterior da língua, bloqueando quase completamente a laringe.

“Este é um cão com uma ambição que excede, em muito, a sua capacidade de engolir. Deve ser um dos pacientes mais felizes que já vimos este ano. Podia ter morrido muito facilmente”, disse Gill Maxwell, diretora clínica de Cestria.