branded content

Hill’s Pet Nutrition apresenta a tecnologia Activbiome+ na sua gama Hill’s Prescription Diet Gastrointestinal Biome

por Maria Margarida Tomé, Diretora Técnica Cesman-Hill’s Pet Nutrition

Hill’s Pet Nutrition apresenta a tecnologia Activbiome+ na sua gama Hill’s Prescription Diet Gastrointestinal Biome para pacientes que requerem uma dieta rica em fibra e necessitam restabelecer o equilíbrio do microbioma intestinal.

Os problemas digestivos são comuns em cães e gatos?
Sim, os problemas gastrointestinais são dos principais motivos de consulta nas clínicas veterinárias. Estudos recentes realizados no Reino Unido identificaram que cerca de 30 % dos cães e 10 % dos gatos examinados nas clínicas de cuidados primários apresentavam um problema gastrointestinal. Esta percentagem aumenta no caso de hospitais mais especializados ou hospitais universitários, onde os estudos assinalaram que a percentagem de cães com algum problema digestivo aumenta até 60 %. Portanto, embora os valores possam variar dependendo da tipologia da clínica, não há dúvida que se trata de problemas muito frequentes.

Qual é a principal problemática deste tipo de problemas?
Do ponto de vista dos tutores de animais de companhia são problemas que aparecem com sinais como vómitos, diarreia e perda de apetite, sinais que são preocupantes para o tutor e que condicionam a qualidade de vida do animal, mas também da família. Por outro lado, do ponto de vista do veterinário, os problemas gastrointestinais em cães e gatos são muito variados, de diversas etiologias e a maioria evolui com sinais semelhantes. Por este motivo, o diagnóstico pode ser um desafio, requer algum tempo e o recurso a exames complementares de diagnóstico, incluindo procedimentos mais dispendiosos para o tutor. Por último também é importante referir que há problemas gastrointestinais que respondem muito bem a um controlo terapêutico relativamente simples (por exemplo, as gastroenterites agudas não complicadas por norma melhoram rapidamente apenas com um maneio nutricional adequado), existem outros, especialmente problemas gastrointestinais crónicos, cujo controlo terapêutico pode ser bastante complexo.

Oferecem uma abordagem apoiada no microbioma do animal. Mas, o que é o microbioma?
O microbioma gastrointestinal é a comunidade de microrganismos que habitam o trato digestivo de um hospedeiro, neste caso de cães e gatos. Estes microrganismos são responsáveis por funções indispensáveis para o animal, tanto do ponto de vista metabólico como funcional, incluindo funções relacionadas com o metabolismo energético, com a saúde do epitélio intestinal, com a manutenção da hemóstase ou com a atividade do sistema imunitário. A manutenção de um adequado equilíbrio microbiano no trato digestivo é essencial para que todas estas funções chave se desenrolem adequadamente. No entanto, este equilíbrio microbiano pode alterar-se por diferentes razões, como fatores ambientais, utilização de fármacos (por exemplo, antibióticos), fatores dietéticos ou doenças gastrointestinais, tanto agudas como crónicas. Quando estes fatores produzem alterações na composição ou no equilíbrio do microbioma intestinal desencadeia-se uma situação patológica conhecida como disbiose, situação que impacta não só a nível intestinal, mas também outros órgãos e sistemas.


 
Em que consiste a tecnologia Hill’s ActivBiome+ que estão a lançar?
Nos últimos anos, a Hill’s tem centrado as suas investigações no estudo do microbioma, caracterizando as populações bacterianas presentes no trato gastrointestinal de cães e gatos, estudando que funções desempenham e determinando como podem ser afetadas por diferentes fatores nutricionais.
Fruto desta  investigação lançámos o novo Hill’s Prescription Diet Gastrointestinal Biome com tecnologia Activbiome+, uma combinação patenteada de fibras prebióticas que atuam no intestino promovendo o crescimento e a atividade das bactérias intestinais benéficas e a produção de posbióticos (produtos metabólicos derivados do metabolismo bacteriano) que têm efeitos favoráveis para o hospedeiro.

Este aumento das populações bacterianas benéficas também é positivo porque inibe as potenciais bactérias prejudiciais que podem estar presentes no intestino, reduzindo a sua capacidade para se multiplicar e produzir metabolitos danosos.


 
Foram realizados estudos que comprovem a sua eficácia?
Sim, realizámos diferentes estudos que demonstram a eficácia da tecnologia Activbiome+. Inicialmente estudos internos no Centro Hill’s Pet Nutrition (EU), nos quais a incorporação desta tecnologia na alimentação de cães e gatos resultou num aumento dos marcadores associados à saúde do microbioma intestinal e a uma melhoria na qualidade das fezes. Também realizámos um estudo* prospetivo, aleatório e cruzado com cães saudáveis e cães com gastroenterite e enterite crónica recorrente. Neste estudo a tecnologia Activbiome+ foi incorporada em dois tipos de dietas com perfis muito diferentes (um alimento com proteína hidrolisada e um alimento rico em cereais) e todos os pacientes, incluindo os cães com gastroenterite e enterite crónica, apresentaram uma melhoria significativa na qualidade das fezes, um aumento das bactérias intestinais benéficas, uma redução das bactérias intestinais prejudiciais e um aumento na produção de posbióticos benéficos como polifenóis e ácidos gordos de cadeia curta. Finalmente realizamos um estudo externo prospetivo, cego e multicêntrico com 32 cães com colite crónica que consumiram durante oito semanas Hill’s Prescription Diet Gastrointestinal Biome e no qual 100% dos cães experimentaram uma melhoria significativa da qualidade das fezes em apenas 24 horas após o início da alimentação, sem que nenhum dos cães tenha sofrido recorrências de diarreia durante as 8 semanas do estudo.


 
Que outros ingredientes estão incluídos nesta gama?
A tecnologia Activbiome+ incluída no novo Hill’s Prescription Diet Gastrointestinal Biome é constituída por uma combinação sinérgica de cinco fibras prebióticas: polpa de beterraba, sementes de linho, polpa de arandos, polpa de citrinos e casca de noz pecã. Para além destas fibras prebióticas que nutrem o microbioma intestinal e estimulam o crescimento das bactérias intestinais, o produto inclui também outras fontes de fibra, como cevada, aveia, abóbora ou farelo de ervilha, que ajudam a que os pacientes com obstipação ou colite consigam uma qualidade de fezes adequada.

Para que tipo de problemas gastrointestinais está indicado este alimento?
Hill’s Prescription Diet Gastrointestinal Biome com tecnologia Activbiome+ está especificamente formulado para pacientes com problemas gastrointestinais agudos ou crónicos que requerem uma dieta rica em fibra e nos quais é benéfico restabelecer o equilíbrio do microbioma intestinal. Entre estes problemas destacamos a obstipação, as enteropatias (incluindo colite) que respondem à fibra, diarreias que respondem a antibióticos ou casos de megacólon (fundamentalmente felino) que responde à fibra.

Que produtos integram a gama?
Hill’s Prescription Diet Gastrointestinal Biome está disponível como alimento seco para cães e gatos, tanto em embalagens pequenas como grandes. No caso dos gatos pode optar por alimentação mista, já que o produto também está disponível em latas com textura de guisado com frango e vegetais.

 

CAMPANHA

Experimente hoje mesmo a nova gama de produtos Hill’s Prescription Diet Gastrointestinal Biome.
Contacte a Cesman-Hill’s e faça o seu pedido da gama Gastrointestinal BIOME com o código BIOMEVA2019 e usufrua de 50% de desconto neste pedido inicial.*
Campanha válida até 30 de novembro 2019. Um pedido por clínica. Válida apenas para o seu 1º pedido desta referência.

Contactos Cesman-Hill’s cesman@cesman.pt | Tlf. 21 9533490

 
PARA MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE O SITE SOBRE GI BIOME


*Matthew I. Jackson & Dennis E. Jewell (2018) Balance of saccharolysis and proteolysis underpins improvements in stool quality induced by adding a fibre bundle containing bound polyphenols to either hydrolyzed meat or grain-rich foods, Gut Microbes, DOI: https:// doi.org/10.1080/19490976.2018.1526580)

Artigo patrocinado por