Medicina Veterinária

Exo-K9: a máscara para cães com lesões maxilofaciais

Um grupo de investigadores da Universidade UC Davis, na Califórnia, desenvolveu uma máscara impressa em 3D para cães com lesões maxilofaciais. A máscara Exo-K9, como foi batizada, é fruto de uma colaboração entre cirurgiões veterinários e estudantes de engenharia biomédica e pretende funcionar como um gesso à volta do crânio do animal enquanto a fratura cicatriza.

A inovação foi testada no Loca, um cão com quatro meses que deu entrada no Hospital Universitário UC Davis depois de ter sido mordido por outro cão, ficando com lesões no focinho, na mandíbula e na articulação temporomandibular.

Depois de uma cirurgia para remover alguns fragmentos ósseos, o animal recebeu a máscara impressa em 3D. Três meses depois, os médicos veterinários revelam que os locais que foram operados estão a curar e que se está a formar uma nova articulação temporomandibular.

Veja o vídeo que explica o procedimento